Lauree di secondo livello in Diritto a Rio de Janeiro in Brasile

Guarda i Master in Diritto a Rio de Janeiro in Brasile 2017

Diritto

Per master si intende il completamento di un programma di studio di secondo livello che prepara gli studenti ad approfondire la conoscenza di un argomento specifico o a fare progressi professionali. La maggior parte dei master è conferita da università statali o pubbliche.

Un diploma di Master in Diritto o un Master of Laws è una laurea che permette agli studenti di specializzarsi in un settore del diritto. I campi disponibili per specializzarsi in sono fortemente dipendenti dal paese il grado viene insegnato. Esempi di queste sono diritto tributario, diritto commerciale o il diritto internazionale.

In Brasile, ci sono tre tipi di laurea: Diploma di laurea - prende tra 4-6 anni per completare e gli studenti possono lavorare come insegnanti dopo aver terminato quattro anni di ricerca. Masters - prende uno o due anni per realizzare; Dottorato / PhD - il più alto grado è possibile studiare e vogliono tre o quattro anni per realizzare. Questi tre gradi vagamente corrispondono ai tre cicli del Processo di Bologna - il sistema europeo di istruzione superiore. Questo significa che se hai raggiunto una laurea in una università europea, dovrebbe essere qualificato per ottenere un Master in Brasile.

Questa città ha molte strutture per offrire educazione a tutti i livelli. Alcune delle università notevoli e college in questa città sono Rio de Janeiro State University e l'Università Federale di Rio de Janeiro.

Richiedi informazioni sui Master in Diritto a Rio de Janeiro in Brasile 2017

Ulteriori informazioni

Pós-graduação Em Direito

Universidade Estácio
Campus A tempo pieno 2 anni March 2017 Brasile Rio de Janeiro

A área de concentração possui como linha condutora o Direito Constitucional, a Teoria da Constituição, a Teoria dos Direitos Fundamentais e a Filosofia do Direito. Esta é matriz que integra as duas linhas de pesquisa. Promove a investigação conjunta das dimensões processual e material do Direito e, assim, dos direitos fundamentais, tendo por base uma estrutura interdisciplinar/transdisciplinar, aberta, reflexiva. [+]

Master in Diritto a Rio de Janeiro in Brasile. OBJETIVOS GERAIS O Programa de Pós-Graduação em Direito da Universidade Estácio de Sá, reconhecido pela Capes com conceito 5, tem como objetivos: - incentivar a pesquisa jurídica, os estudos dogmáticos e interdisciplinares com outros saberes como base formativa do conhecimento jurídico crítico; - formar pesquisadores em condições de compreender o sistema jurídico no seu entrelaçamento com a realidade circundante, especialmente com outros ramos do conhecimento; - formar professores capazes de compreender e, assim, problematizar o fenômeno jurídico nas suas várias dimensões de modo a capacitá-los a buscar soluções para os desafios que se põem; - preparar acadêmicos aptos a atuar em prol do avanço da pesquisa, do ensino no Brasil, oferecendo aportes no cenário mundial. Área de Concentração: DIREITO PÚBLICO E EVOLUÇÃO SOCIAL A área de concentração possui como linha condutora o Direito Constitucional, a Teoria da Constituição, a Teoria dos Direitos Fundamentais e a Filosofia do Direito. Esta é matriz que integra as duas linhas de pesquisa. Promove a investigação conjunta das dimensões processual e material do Direito e, assim, dos direitos fundamentais, tendo por base uma estrutura interdisciplinar/transdisciplinar, aberta, reflexiva. Pesquisa, no cenário contemporâneo, comumente denominado de pós-positivista, embora se proponha a ser também pós-jusnaturalista, a busca pela superação da celeuma clássica entre juspositivismo e jusnaturalismo, uma terceira via. Daí que se ocupa da doutrina contemporânea acerca da democracia, da historicidade do Direito, da fundamentação dos direitos e, neste passo, da própria Constituição, tendo esteio também no estudo da hermenêutica. Tudo isto sem desconsiderar elementos dogmáticos, operacionais, instrumentais, de sorte a identificar os limites e potencialidades do Direito, a relação entre fato e norma, entre texto e contexto, a problemática da linguagem, a legitimidade das instituições oficiais e a insurgência de novos direitos, arranjos, canais de conversação e afirmação de compreensões. [-]